Novo livro quer por os políticos a discutir a situação atual do SNS
05/01/2018 16:50:44
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Novo livro quer por os políticos a discutir a situação atual do SNS

Os Drs. António Arnaut e João Semedo apresentam, amanhã, dia 6 de janeiro, o livro Salvar o SNS – Uma nova Lei de Bases da Saúde para defender a democracia. O lançamento da obra que pretende “colocar o país, e sobretudo os políticos, a discutir a situação atual do Serviço Nacional de Saúde” acontece na Antiga Igreja do Convento de São Francisco, em Coimbra, a partir das 15h30.

Os “incompreensíveis” tempos de espera para consultas e cirurgias, centenas de milhares de utentes sem médico de família, as taxas moderadoras “pouco moderadas e que nada moderam” e protestos recorrentes dos profissionais de saúde são alguns dos problemas Serviço Nacional de Saúde (SNS) atravessa e que serviram de ponto de partida para o livro. Os autores propõem uma nova Lei de Bases da Saúde, que promete recuperar o SNS e devolver aos cidadãos uma saúde pública digna de uma democracia sã.

Está dado o primeiro passo para colocar a Saúde no centro da política, e os políticos “que não recorrem ao Serviço Nacional de Saúde” e por isso "não veem com olhos de ver o valor do SNS para o bem-estar e a coesão social”, a repensar o SNS, afirmou o Dr. António Arnaut em entrevista à TSF.

A apresentação do livro estará a cargo de D. Januário Torgal Ferreira e do Dr. Manuel Alegre, contando com a presença do Primeiro-Ministro e do ministro da Saúde, Prof. Doutor Adalberto Campos Fernandes.

 

SVSNSMP ConviteDigital 20174638 v2 7bf50


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019