Os melhores momentos da cerimónia dos 10 anos do Hospital de Cascais
05/03/2020 17:06:15
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Os melhores momentos da cerimónia dos 10 anos do Hospital de Cascais

O Hospital de Cascais Dr. José Almeida, do Grupo Lusíadas Saúde, celebrou hoje, dia 5 de março, o seu 10.º aniversário numa sessão comemorativa. O evento teve lugar no auditório da unidade. Veja a galeria.

 

46 cirurgias, 10 partos, 634 consultas, 156 metros cúbicos de água, 19 940kw de eletricidade e 892 metros cúbicos de gás. Este é o “retrato” de 24 horas no Hospital de Cascais, a parceria público-privada mais antiga no setor hospitalar em Portugal, que celebra hoje 10 anos.

A estes dados juntam-se 500 artigos esterilizados todos os dias e 4413 unidoses preparadas diariamente na farmácia do hospital, em 2019. O Hospital de Cascais venceu o 1.º prémio do Kaizen Institute para a excelência no setor da saúde pela forma como olha para a eficiência, uma visão que permite à unidade um ganho de 1,5 milhões de euros por ano, tendo de cumprir 117 requisitos para chegar, em 2017, ao nível sete do HIMSS Analytics.

Conhecido como um “hospital sem papel”, o processo clínico é totalmente informatizado, o que permitiu economizar, desde 2017, cerca de três mil folhas de papel diariamente, fazendo da unidade a primeira do país com certificação ambiental. Em 2015, 2016 e 2018, foi considerado como o hospital de média dimensão com melhor desempenho global do Sistema Nacional de Saúde (SNS).

“Pessoalmente, e porque estive à frente do Hospital de Cascais durante quatro anos, não poderia estar mais orgulhoso dos resultados alcançados. Hoje somos uma referência nos resultados clínicos que atingimos, na experiência que damos aos nossos utentes e colaboradores, na proximidade que temos à comunidade e na forma como usamos a tecnologia para reduzir a variabilidade clínica”, salienta o Dr. Vasco Antunes Pereira, CEO da Lusíadas Saúde.

Numa publicação que assinala os 10 anos do hospital, o Dr. Carlos Carreiras, presidente da Câmara de Cascais, considera que “a abertura do Hospital de Cascais representou um novo tempo na prestação de cuidados de saúde no concelho. Independentemente da natureza da gestão, o que preocupa os cascalenses é a qualidade dos serviços de saúde. E, desse ponto de vista, a mudança foi radical. Para melhor. Temos mais saúde. Temos melhor saúde. Temos um Estado Social Local reforçado”, acrescenta.

Na mesma publicação, o Dr. Basílio Horta, presidente da Câmara Municipal de Sintra, afirma que “o Hospital de Cascais serve milhares de munícipes do concelho de Sintra, sendo o seu desempenho e capacidade de prestar um bom serviço na área da saúde fundamental para o nosso concelho”, conclui o responsável.


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019