Menos de 36% de consultas presenciais preocupa Ordem dos Médicos e APAH
08/09/2020 13:56:16
Partilhar por emailShare on Google+Partilhar no facebookPartilhar no linkedinPartilhar no twitter
Menos de 36% de consultas presenciais preocupa Ordem dos Médicos e APAH

No primeiro semestre de 2020 realizaram-se menos 3,8 milhões de consultas presenciais nos cuidados de saúde primários do que no mesmo período de 2019, enquanto nos hospitais foram feitas menos 902 mil consultas nas unidades do Serviço Nacional de Saúde. Estes dados, traduzem-se numa quebra de 36% de consultas presenciais nos centros de saúde nos primeiros seis meses deste ano.

A Ordem dos Médicos e a Associação Portuguesa de Administradores Hospitalares (APAH) encontram-se preocupadas com estes números, bem como aos dados relativos aos doentes que não têm acesso a consultas, cirurgias, exames, internamento ou mesmo urgências.

“Esta situação pode agravar-se nos próximos meses, uma vez que existem doentes sem acesso a consultas desde março, que ainda não começaram a ser tratados e não há um verdadeiro plano de retoma”, explica o Bastonário da Ordem dos Médicos, Dr. Miguel Guimarães.

Ainda assim, segundo os dados oficiais, o número de teleconsultas aumentou 40%, no 1.º semestre do ano. “Os números da telemedicina até podem ser positivos, mas este recurso será sempre complementar. Não é apenas com uma chamada telefónica que podemos realizar rastreios, diagnósticos, conhecer o doente e referenciá-lo adequadamente para os cuidados especializados”, salienta o presidente da APAH, Prof. Doutor Alexandre Lourenço.

Com base nestes números e na preocupação de tratar todos os doentes que ficaram pendentes desde março, que ambas as entidades, laçaram o vídeo “Saúde em Dia – Não mascare a sua saúde”. O projeto multimédia pretende sensibilizar a população para a importância de se manterem alerta em relação à sua saúde, não mascarar sintomas e não adiar visitas ao médico perante sinais de qualquer patologia.

Veja o vídeo completo aqui.

Vídeo


Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019