Uma equipa de investigadores do Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde (CINTESIS) vai testar uma nova estratégia de desinfeção das superfícies dos hospitais que estão em contacto com os doentes, de modo a diminuir o risco de infeções, sobretudo por microrganismos patogénicos resistentes aos fármacos. Os cientistas irão implementar um sistema automático de vaporização de peróxido de hidrogénio (H2O2) para descontaminação das superfícies na Unidade de Queimados do Hospital de São João, no Porto.

Publicado em Notícias

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019