A Lilly Portugal, empresa farmacêutica do grupo Eli Lilly & Co., anunciou que a Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) aprovou a comparticipação do medicamento baricitinib para o tratamento da artrite reumatoide (AR) ativa moderada a grave em doentes adultos com resposta inadequada ou intolerância a um ou mais antirreumatismais modificadores da doença biológicos. Baricitinib foi o primeiro inibidor Janus quinase (JAK)1 e JAK2 aprovado para o tratamento da AR na União Europeia que pode ser usado em monoterapia ou em combinação com metotrexato.

 

Publicado em Notícias

Dois especialistas internacionais, o Prof. Doutor Peter C. Taylor, do Reino Unido, e o Prof. Doutor Peter Nash, da Austrália, vão partilhar e comentar as apresentações mais relevantes na área da artrite reumatoide e da artrite psoriática, respetivamente, através de uma sessão virtual no dia 16 deste mês.

 

Publicado em Notícias

AbCellera e Lilly irão seleccionar mais de 500 anticorpos únicos isolados de um dos primeiros doentes americanos com COVID-19 a ser curado para criar terapêuticas à base de anticorpos para tratamento e prevenção da COVID-19.

 

Publicado em Notícias

A Sociedade Portuguesa de Diabetologia (SPD), em colaboração com a Lilly, tem 16 bolsas a atribuir aos seus associados para o encontro anual do European Association for the Study of Diabetes (EASD), que irá decorrer em Barcelona. A data limite para a submissão de candidaturas é 26 de junho.

Publicado em Notícias

A farmacêutica Lilly foi distinguida pelo terceiro ano consecutivo como uma das empresas mais éticas do mundo pelo “2019 World Most Ethichal Companies”, e a única empresa distinguida no setor “Pharmaceuticals”. O reconhecimento do Ethisphere Institute baseia-se na avaliação percentual dos critérios: ética e conformidade, cidadania e responsabilidade corporativa, cultura e ética, modelo de administração, liderança, inovação e reputação.  

 

Publicado em Notícias

A Autoridade Nacional do Medicamento (Infarmed) anunciou a aprovação da comparticipação do medicamento ixecizumab para o tratamento da psoríase em placas, moderada a grave, em adultos que são elegíveis para terapêutica sistémica. Ixecizumab foi desenhado especificamente para atuar sobre a citocina interleucina IL-17A, uma proteína importante no processo inflamatório subjacente, em caso de psoríase.

Publicado em Notícias

Pesquisa

Publicações

Prev Next

Médico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Farmacêutico News, 37, janeiro/fevereiro 2019

Hematologia e Oncologia, 24, dezembro 2018

15.º Congresso Português de Diabetes, n.3

  SIDA, 37, janeiro/fevereiro 2019